domingo, 22 de agosto de 2010

Pobre Campos dos Goitacazes...


Em plena campanha eleitoral para uma eleição de deputados, senador, governador e presidente, a Câmara Muncial de Campos, resolve antecipar eleição para eleger a mesa diretora, eleição que pode acontecer até 15 de dezembro deste ano de 2010.

São muitos os fatos:

A antecipação da eleição a quem interessa? Nahim ou Matoso? Ou teremos um outro vereador?

A antecipação da eleição fica cada vez mais claro que nenhum dos políticos acredita mais no retorno da prefeita Rosinha Garotinho. O voto bem expícito do ministro relator, a antecipação do voto do presidente do TSE, o fato de todos os ministros votarem acompanhando o voto do relator, é um forte indício de que nada será mudado no julgamento do mérito.

A quem não interessava a antecipação da eleição da mesa diretora da Câmara Municipal? A Garotinho.

Garotinho o que não lhe falta são problemas, Parece que o mundo esta desaando sobre sua cabeça: Foi defenestrado da sua pretensão de ser candidato a governador. Esta concorendo ¨sub judice¨. Concorre ao humilhante cargo de deputado federal. A mulher Rosinha foi cassada e afastada do cargo. A filha com o mandato em risco. Tem que adminsitrar um campanha ficticia de governador. Tem que administrar a campanha de deputado onde ele e a filha tomaram a vaga de muitos candidatos cheios de esperança.

Com a antecipação da eleição para logo apois o indeferimento do agravo de Rosinha no TSE, a base de apoio da prefeita esta cada vez mais fragilisada. Ninguém se arrisca a relacionar os nomes de apoio a Rosinha Garotinho na Câmara.

O vereador Magal esta cada vez menos lider ou esta cada vez tendo menos quem liderar, esta ficado cada vez mais só.

Apesar de em política tudo ser possível, uma das coissas mais difíceis é Magal e Nahim juntos. Nahim certamente não esquece e nem perdoa o episódio no início de 2009, quando Garotinho insuflou um desentendimento entre o irmão Nahim e Magal, onde Magal pelas ondas da rádio O Diário chamou Nahim de mentiroso.

Quem vencer a eleição da mesa diretora para o próximo mandato (2011/2012), mais do que ser o Prefeito interino, será ele o condutor da máquina administrativa municipal em plena eleição suplementar.

Neste momento um dos maiores segredos, é o acordo que esta permitindo a tranquilidade e a antecipação da eleição da mesa diretora da Câmara.

Se Nahim for mantido no cargo de presidente da Câmara nessa eleição antecipada, não significa que ele será o candidato a prefeito da eleição suplementar que ainda deverá ser marcada.

Ai esta o grande problema. Nahim esta filiado ao PR (partido comandado no Estado por Garotinho e em Campos pelo filho). Se Nahim estiver comando a máquina administrativa municipal (prefeito interino) para sair candidato na eleição suplementar terá que ter a vaga autorizada pelo irmão Garotinho, algo pouco provável.

Na hipótese de não ser o candidato do PR, acumulando o cargo de prefeito interino, teremos uma eleição suplementar onde Nahim (prefeito) apoiará (veladamente, por causa da infidelidade partidária) um candidato que não seja o do PR. E ai teremos muito mais do que uma batalha familiar, teremos uma luta de Titãs.

O maior desafio de Nahim é chegar ileso, com relação a Garotinho, até a definição da eleição municipal suplementar. Os dois irmãos teem muito pouca coisa em comum e muitas arestas, algumas impossíveis de serem aparadas.

A bancada de oposição na Cãmara que parece estar bem unida em torno de Nahim/Matoso, só precisa de alguns poucos vereadores para ser maioria absoluta na Casa o que não é muito difícil.

Com a decisão de antecipar a eleição, o atual presidente da casa que não esconde estar afinado com Nahim, da grande demonstração de tranquilidade, dando entender que tudo esta sob absoluto controle.
A noticia da eleição da mesa da Câmara divulgada no fim de semana deixou a bancada de situação de apoio a Rosinha, literalmente amarrada e atônita.

Principalmente com relação a entrada do vereador Edson Batista. Magal já tinha combinado que a decisão seria do plenário. Fez reunião, bateu o pé, dizendo que Edson Batista seria empossado na terça feira. Isso é um sinal claro de que ele esta fora do processo da mesa e de que não sabia de nada. Portanto a eleição da mesa diretora da Câmara ao que tudo indica, passa exclusivamente pela oposição a Rosinha Garotinho.


Com isso, até segunda ordem, a posse de Edson Batista foi literalmente para o vinagre. Depois da eleição da mesa, vamos ver se Magal ainda vai ter maioria para lidera!

Com essa nova decisão, Nahim deve tirar uma licença relâmpago só para votar na chapa diretora da mesa da Câmara e com isso a cidade de Campos dos Goitacazes, em algum momento, terá numa mesma pessoa, o presidente da Câmara, o Prefeito e o vereador, tudo na pessoa de Nelson Nahim. E quem sabe o presidente reeleito.

De qualquer forma, aviso aos navegantes: Nahim agora vai começar a governar. Cabeças vão rolar. Ele tem que trocar secretários, é um questão de sobrevivência política. É impossível governar com secretário de outro governante. Portanto, logo logo o Diário Oficial vai começar a funcionar, afivelem o cinto, vamos decolar. Deus que nos ajude.

Ufa! Haja coração...