domingo, 2 de agosto de 2009

Pedro Simon


O senador Pedro Simon vai ser uma pedra no sapato do presidnete do SenadoFederal José Sarney, ele pede a saida de Sarney da presidência e os aliados de Sarney ou seja Renan Calheiros e companhia limitada distribuiram nota oficial do PMDB liberando os dissidentes para torcarem de partido sem perderem o mandato. Mas Simon foi enfático. NÃO SAI. Enfim, Sarney é uma reserva moral, saindo ou ficnado, quando fala, causa problemas...

Gripe suina...


Muito alarde... Só para aliviar o domingo...

Tá faltando muita coisa ainda

Não que eu goste de ficar olhando pelo retrovisor e muito menos ficar chorando pelo leite derramado, mas ainda falta ser revelada muita falcatrua feita no desgoverno de Alexandre Mocaiber. Por exemplo as obras executadas e não executadas pela Secretaria de Obras, o secretário Púglia, foi preso e não retornou ao cargo. Com a palavra o Minstério Público... Caso isso não seja revelado as instituições responsáveis em especial o poder Judiciario vão ficar em situação difícil. Depois quando Garotinho for para o rádio, vão dizer que ele é falador. São vocês que deixam o lombo de fora. O próprio secretário preso e afastado certamente tem o maior interesse em provar que sua prisão foi injusta.

Sivaldo esta solto...

A pergunta que não quer calar: Porque só Sivaldo Abilio foi preso, porque nomes como Alexandre Mocaiber, Marcilene Darflon, Tânia Scher e muitos outros (não necessáriamente nessa ordem) não forma presos? Alguns nem se quer forma incomodados.

Brasília é úma crise só.


O mes de agosto começa e é reconhecidamente o mes do azar, assim como o dia 13 de agosto é um dos mais temidos, também foi neste mes que Getúlio Vargas suicidou, portanto as coisas que não andam boas para José Sarney, presidente do Senado Federal, pode ficar ainda pior. Sarnei passou este fim de semana sem o apoio público que vinha tendo do presidente Luiz Inácio. Todos que primeiro o presidente apoiou, defendeu e em seguida ¨jogou ao vento¨, foram literalmente para o vinagre, portanto os próximos dias do ex presidente da república vão ser decisivos. Para completar, além de estar com cinco pedidos de investigação no Conselho de ética do Senado, o filho mais velho Fernando estar sendo investigado pela Polícia Federal, sua filha Roseane recentemente passou por mais uma cirurgia. Com tudo isso, sua mulher Marly (ex primeira dama), literalmente caiu e teve uma fratura e encontra-se em tratamento num hospital da capital paulista. Vida dificil em...

Garotinho


Ele trabalha com pesquisas, é indiscutivelmente um profissional, não sairia candidato ao governo do Estado caso não tivesse minimas conidçoes de ganhar, quem se lembra dos números que tinha a prefeita Rosinha quando se candidatou a prefeitura de Campos.

Em família...

Geraldo Pudim já admitiu em familia que se for necessário dentro do prazo renuncia o mandato de deputado federal para se filiar ao PR e concorrer a reeleição com o apoio de Garotinho.

Uma divisão...

Paulo Feijó e Geraldo Pudim vão ter o apoio do chefe Gartoinho, já foi dividido o Estado, tudo certo...

Ainda os dois...

Garotinho visitou Macaé no dia do aniversário da cidade, fechou inumeros apoios inclusive conseguiu a filiação e apoio de um vereador. Sérgio Cabral visitou a cidade no dia seguinte e as informações que tenho é que não foi na mesma proporção do dia anterior as adesões.

Situação difícil...

Luiz Inácio caminha para ficar numa situação difícil. Sérgio Cabral é candidato natural a reeleição ao governo do estado do Rio de Janeiro, cargo também almejado por Garotinho que já trocou de partido (foi para o PR do vice presidente da República). Com tudo isso, Luiz Inácio entra em uma saia justa. Garotinho aliviou as criticas ao presidente e passou a elogiar a escolha da ministra Dilma para suceder Luiz Inácio. Cabral, da o apoio natural, é do PMDB e sempre cocnordou com a indicação do Presidente da Reública. Assim, ou o presidente sobe nos dosi palanques, ou não sobe em nenhum. Como se diz: O tempo é o senhor da razão...