sábado, 19 de setembro de 2009

Os Garotinho

Dizem que é invenção do jornal Folha da Manhã, mas eu prefiro acreditar que seja verdade a materia da parte política do jornal de hoje ( clique aqui ) onde afirma que o certo vem ficando cada vez mais apertado contra os aliados do governador Garotinho. Uma pessoa presente a reunião num sítio em Atafona no município de São João da Barra disse que o presidente da ALERJ, deputado Jorge Picianni, foi muito cordial, até carinhoso com a prefeita Rosinha Garotinho e que ficou em pánico quando foi aventada a possíbilidade de Rosinha se locomover no mesmo hicóptero em que ele usava. Felizmente o fato não se sucedeu, o cosntrangimento não se efetivou. Mas essa cordialidade não é tão grande assim, muito especialmente com relação ao vereador da capital e presidnete do PMDB que agora esta perseguindo os demais Garotinhos (Clarissa e Pudim). A saida amigável, como é o caso de Nelson Nahim e Magal, ambos vereadores e candidatíssimos ao pleito de 2010, é uma situação muito perigosa. Mesmo que o PMDB concorde com a saida de seus filados com mandato, mesmo que o partido pela nacional também concorde, mesmo que o partido se comprometa a não pleitear o mandato que é da sigla, tudo pode acontecer. O MPE e qualquer cidadão poderá aguir em Juizo a infidelidade partidária e aí tudo pode acontecer, até nada. Até o momento não existe jurisprudência firmada com relação a esta situação. Daí que essa saida, mesmo que amigável e boa para ambas as partes, poderá ser temerária. Até porque o mandato é do partido, mas existe a figura do suplente na lista de espera e ainda que este compareça ao documento de acordo. Os orgãos públicos como o Minsitério Público pode não entender assim. Situação muito complicada.

E a fila anda...

A deputada estadual Cidinha Campos desafeta da família Garotinho continua produzindo estagos na presidência da Comissão Parlamentar de Inquerito CPI da ALERJ Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, agora a bola da vez é o prsidente do Conselho do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, acusado pela prefeita de São Gonçalo de ter que pagar 500 mil reais sobre pena de ter suas contas reprovadas. Em se tratando de política tudo é possível, ¨até boi voar¨. Mas que a acusação é grave, é muito grave. O presidente do Tribunal ameaça processar a prefeita, é muito pouco. O estrago da declaração é muito grande. As instituições estão poderes, estão literalmente carindo de poder.

E a fila anda...

Pudim tá na pista...

Segundo informa o blog de Ricardo Vasconcelos (clique aqui) o deputado federral Geraldo Pudim não conseguiu liminar que assegurava a ele o direito de sair do PMDB sem ser incomodado com o pedido de seu mandato por parte do partido que o elegeu. Pudim agor aterá que esperar a decisão final do processo, o que não é nada interessante. Uma eleição tem regras e cumpre prazos rígidos e que não pode esperar. Desta forma Pudim corre o risco de ficar de fora da disputa de 2010. Se ele sair do PMDB, mesmo o partido não pedindo seu mandato, outros (a mando ou não) podem fazer. Se permanecer dentro do PMDB tem mais problemas ainda, não poderá subir no palanque de Garotinho e ainda corre o risco de ficar sem legenda (vaga para se candidatar para a reeleição. Portanto, Pudim esta naquela situação: ¨Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come...¨. Agora é só esperar para conferir.

O petróleo é nosso?

As sucessivas péssimas administrações municipais dão força para que políticos de outros estados que não são beneficiados com o royaltties façam campanha para tirar os recursos da cidade. Os royaltties foram criados com o objetivo de compensar os danos causados na exploração do petróleo. Hoje o tamanho do recurso é motivo de discórdia, todos querem roubar e a única prejudicada é a população. O que o município recebe, era o suficiente para sermos um município de excelência. Pobre Campos dos Goitacazes.

E GRAVE...

A nota postada no blog de Roberto Moraise (clique aqui e leia) é muito grave. Se realmente for verdadeira as denuncias, cabeças vão rolar. O crime de Pedofilia, foi incluido como ediondo, ele não só atinge a vítima, mas também toda a família. É um ato humilhante. Além do lado físico, temos o problema pisicolófico, uma vez abusado, oindividuo carega a sequela para toda a sua vida. O blogueiro uso de prudência ao não dar nomes. Do Roberto não se esperava outra atitude, ele é coerente, senssato e acima de tudo prudente. Parabéns. Vamos aguardar os desdobramentos.

Esta na internete.

Esta é de salão...
Ingênua, simples, fina...

Uma mulher leva um bebê ao consultório do pediatra. Depois de alguns momentos de espera na sala, a enfermeira manda ela entrar no
consultório. Depois da apresentação, o médico começa a examinar o bebê e vê que o seu peso está abaixo do normal e pergunta:

- O bebê bebe leite materno ou de mamadeira?

- Leite materno, diz a senhora.

- Então, por favor, mostre-me os seus seios.

A mulher obedece e o médico toca, apalpa, aperta ambos os seios, gira os dedos nos mamilos; primeiro suavemente, depois com mais força,
coloca as mãos em baixo e os levanta uma vez, duas vezes, três vezes, num exame detalhado. Faz um beicinho e sacode a cabeça para ambos os lados e diz:

- Pode colocar a blusa.

Depois da senhora estar novamente composta o médico diz:

- É claro que o bebê tem peso a menos. A senhora não tem leite nenhum.

- Eu sei, doutor. Eu sou a Tia. Mas adorei ter vindo...