sexta-feira, 8 de abril de 2011

JÁ CHEGA...


Garotinho esta passando dos limites.
Esta certo que Sérgio Cabral é seu eterno foco.
Esta certo que ele gostaria de continuar governando o Estado do Rio.
Cabral não deixou. Ele não é sua mulher...
Mas Garotinho nesse momento de dor no Rio de Janeiro que transbordou para todo o Brasil e exterior, Garotinho tirar proveito... ???
Isso já é demais.
Fazer as colocações e postagens que fez, faz e certamente continuará fazendo, não faz sentido.
Tudo tem um limite.
Garotinho precisa entender que a população não é mais a mesma manipulada de vinte anos atrás.
A postura de Garotinho com relação a Cabral, com referência ao episódio de Realendo, afronta a nossa inteligência.
Alguém próximo que ele ouvi (se é que tem) precisa falar com ele.
Ele é um sujeito inteligente (ainda que não tenha formação superior porque uma coisa não tem nada a ver com a outra), competente, bem sucedido, esta na hora de refletir.
Acorda Garotinho.
Cabral para se eleger governador, você e sua mulher tiveram que sair da campanha, porque vocês faziam com que ele caísse nas pesquisas.
Portanto, segue sua vida... deixa o cara de lado...
O momento é de solidariedade para com os familiares das vítimas, com a sociedade de um modo geral, se não tem o que falar, fica quieto.
Cala a boca garotinho... (é com letra minúscula mesmo, não foi erro não, é de propósito)

A importância dos vigilantes bancários.

Nunca se da muita importância a aqueles senhores que sempre estão as portas de entrada dos bancos.
Nesse momento quando já passamos de quinze dias com as agências bancárias em Campos fechadas, vemos a importância desses homens.
Campos (que não falta motivos) esta depressiva por inúmeras razões (são anos afio de desmandos, irregularidades e decepções), já não resiste mais.
A cidade neste momento, esta paralisada e chega a notícia da ampliação da greve que deve começar na capital do estado na próxima terça feira.
Parece que estamos vivendo uma nova era.
O momento de viver é difícil e muito grave.
Para quem acredita... só Deus...

De Realengo para o mundo.


Os últimos acontecimentos na escola de Realengo (zona Norte do Rio) nos iguala a países como os Estados Unidos e países da Europa como a Alemanha. É um momento muito grave e de muita reflexão...
Deus existe.