domingo, 2 de novembro de 2008

Começa a especulação dos nomes.



O jornal Folha da Manhã de sábado publicou na coluna Ponto Final que a prefeita eleita já teria escolhido os titulares de duas das suas secretarias, a de governo iria para Roberto Henriques e a de Esporte para Paulo Feijó.
Henriques no governo, fica até um novo desentendimento com o marido de Rosinha Garotinho com que já ficou rompido durante um logo tempo, só tendo voltado ao convívio por ter ficado sem espaço no PDT quando brigou com Ilsan e Arnaldo Viana.
Feijó no Esporte não é novidade, a secretaria já era sua cota no governo Mocaiber e é uma forma de Feijó se vingar de sua cria Ivanildo Cordeiro que preside a Fundação do Esporte motivo da briga pública entre o criador e a criatura que deixou seqüelas para todos os lados. Feijó não perdoa Cordeiro de quem quando fala se vê a mágoa e outros sentimentos menores e certamente vai fazer tudo para que Cordeiro encerre aqui sua meteórica trajetória política. Feijó no governo é Cordeiro fora do governo durante os 8 anos que estão por vir.
O que se espera é que a Prefeita eleita pare com a ¨velha guarda¨ por ai (velha guarda no sentido de políticos viciados e já manjados) que ela renove o plantel, trazendo pessoas novas e não reconduza velhos companheiros de 20 anos atrás quando chegou ao poder.

Nenhum comentário: