sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

A novela do concurso do PSF.

Esse imbróglio do concurso público da Prefeitura de Campos, esta levando várias a todos envolvidos em um grande desgaste, mas os mais prejudicados, são os candidatos (sempre a corda arrebenta para o lado mais fraco). Não discuto a necessidade do concurso, muito menos se deve ou não deve ser realizado. O que afirmo e ninguém, mas ninguém mesmo poderá me contestar, é que este desgoverno de Alexandre Mocaiber não tem respaldo ético, moral e muito menos legal. Corrupto, quem tem sua vida vasculhada pela polícia e Justiça, quem tem bens indisponibilisados, quem tem a postura e comportamento ético e moral que o prefeito tem, quem não cumpre com suas obrigações constitucionais, não tem credibilidade e nem merece respeito, e sem esses requisitos, as pessoas não deveriam ter se inscrito, porque agora se vêem nas circunstâncias que ai estão, já gastaram com inscrição e locomoção, estudaram e ainda tem mais gasto que vem por ai, sem saber se o concurso terá validade ou não. Sem falar que já foi ventilado que o concurso esta viciado e não é impossível, nesse desgoverno nada é impossível. Portanto todas as pessoas que se inscreveram deveriam recorrer ao Procon e reivindicar a devolução em dobro do valor da inscrição e também recorrer a Justiça promovendo ação de Danos Morais e algumas até Materiais. É isso que penso com mais essa falta de respeito com o ser humano promovido por esse desgoverno que ai esta.

Nenhum comentário: