domingo, 8 de novembro de 2009

Não sai do lugar.

O presidente da Alerj deputado estadual Jorge Picciani é candidato a candidato a vaga ao Senado Federal pelo PMDB. O deputado tem circulado ao aldo do governador Sérgio Cabral já em franca campanha. Mas ao que consta, as pesquisas internas dão mostra de que o deputado Picciani não sai da casa de um unico digito (1%) o que é muito pouco. Caso Picciani insista na candidatura, as chances de Garotinho partir para uma candidatura ao Senado pelo PR começa a tomar corpo. O quadro ainda não esta definido. Mas dificilmente Garotinho vai enfrentar a máquina estadual que esta na mão de Sérgio Cabral. Garotinho sabe o que é enfrentar uma campanha com a máquina estadual na mão, especialmente numa época de crise. Garotinho já viveu isso e sabe como a coisa funciona. Se Picciani não decolar, o PMDB não vai investir nele e ai o espaço fica aberto.

Um comentário:

Anônimo disse...

Herval seu blog é para quem tem co-
ragem! Caráter não se compra na es-
quina. Parabéns pelo blog e também
pela Mult TV.