domingo, 25 de abril de 2010

Acorda professor.

//O secretario municipal de Orçamento e Controle, professor Suledil Bernandino, tem que deixar de ficar alardeando que tem mãos limpas.//

//Outro dia numa rádio local cansou os ouvidros dos ouvintes.//

//A população ele não deve esse tipo de satisfação.//

//Ele não tem mandato, é um mero burocrata.//

//Suledil tem que provar que tem mãos limpas é na Justiça Federal.//

//La sim, lá, ele não só tem que dizer como também tem que provar que tem as mãos limpas.//

//Mas provar como?//

//É difícil...//

//Ele foi pilhado com 318 mil reais na sede do PMDB, partido que pertenciam ele e seu chefe Garotinho.//

//Tudo em pleno período eleitoral.//

//Acabou por ser indiciado...//

//Professor, vamos parar com isso de querer valorizar a honestidade.//

//Ser honesto não é favor, é dever.//

//Dever de todos...//

//Dever... especialmente de quem é um mero burocrata que meche com dinheiro público.//

//Vamos em frente...//

Nenhum comentário: