domingo, 25 de abril de 2010

Aquela não era Ilsan.

//Vestindo um simples e modesto conjunto azul marinho.//

//Na calada da noite, sem festa, pomas e circustâncias.//

//Assinou com caneta bic, Ilsan seu ato de posse que o presidente Naim disse não ter validade.//

//Escoltada por 2 colegas em traje informal.//

//Mais de 12 meses depois, ela consegue sentar na cadeira de vereadora onde teve mais de 7 mil votos.//

//Tudo muito diferente do que Ilsan Santos Vianna é, gosta e queria.//

//Ela não gostaria que tivesse sido assim.//

//Agora, tempo novo, vida nova.//

//Mas Ilsan, não vai esquecer tudo que passou.//

//Certamente, vai aplicar a máxima://

//Aos amigos: Tudo.//

//E aos indiferentes: A Lei.//

//E vamos em frente.//

Nenhum comentário: