quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Já dizia o Lalau... “ou restaure-se a moralidade ou nos locupletemos todos”

Não é o Lalau freqüentador de páginas policiais que “paga” a merecida cana em sua própria residência... Estou me referindo ao jornalista e cronista carioca Sérgio Porto, conhecido pelos pseudônimos de “Stanislaw Ponte Preta” e “Lalau”. Criador do FEBEAPÁ (Festival de Besteira que assola o país), do “Primo Altamirando” e das “Certinhas do Lalau”; ele foi um dos mais brilhantes observadores do seu tempo e responsável por frases que ficaram gravadas no imaginário dos brasileiros. Recordo que, quando cansado da corrupção que já nos assolava, pediu indignado: “ou restaure-se a moralidade ou nos locupletemos todos”. Não consigo deixar de lembrá-lo quando olho a quantidade de escândalos que vemos desfilar no nosso cotidiano. O Stanislaw antecipou uma solução simples e definitiva para deixar em pé de igualdade todos os brasileiros...

Lí esse testo na net é uma crônica de 2009 que cita o cronista e escritor Ponte Preta, mas que esta atual e se aplica como uma luva a nossa cidade. O GRIFO É MEU.

Nenhum comentário: